quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

RESENHA: Escolhida ao Anoitecer - C. C. Hunter


Enfim, consegui começar e terminar essa série em 2015, o que é bem legal. Eu não tenho os livros, peguei todos emprestados, e aí eu fico na dúvida: eu compro pra ter na estante, já que as capas são lindas? Ou já que eu já li todos, eu invisto o dinheiro em outros livros que ainda não li? EIS A QUESTÃO.

Confira as outras resenhas dessa série:

§ Nascida à Meia-Noite #1
§ Desperta ao Amanhecer #2
§ Levada ao Entardecer #3
§ Sussurros ao Luar #4


POSSUI SPOILERS DOS VOLUMES ANTERIORES!

Como esse é o último livro, vou dar uma resumida em toda a história. Enfim, no começo, eu já tinha ouvido falar e tals, mas nunca procurei saber muito. Até que uma amiga minha comprou toda a coleção e eu não queria ler nenhum dos meus livros e eu resolvi dar uma chance, entrar de cabeça na leitura sem muitas pesquisas sobre a história. E eu nunca vou me arrepender de ter feito isso.

No primeiro livro é o dilema de Kylie ser ou não ser um sobrenatural.
No segundo e terceiro livro é a procura de qual espécie ela pertence.
No quarto e quinto, são as dúvidas sobre o que é ser um "camaleão".

Hoje, parando pra pensar, a autora deu uma bela enrolada para soltar algumas coisas. Coisas que ela poderia ter resolvido em apenas um livro, ela segurou por mais um ou dois '-'.

A cada livro fui me apaixonando cada vez mais pelos personagens secundários. Fui shippando alguns casais. E me envolvi cada vez mais com a história.

No quinto livro, finalmente, o triângulo amoroso é desfeito (MEU SHIP <3). Uma coisa que a autora também enrolou durante os cinco livros :/

PROVAVELMENTE HÁ SPOILERS NOS QUOTES!

"Eu não poderia ter dado a ela minha alma. Porque eu já tinha dado a minha alma. Você a roubou quando eu tinha 7 anos de idade. E se ainda restasse uma parte dela comigo, você teria pego o resto quando entrou em Shadow Falls naquele primeiro dia. Na cultura dos lobisomens, acredita-se que só exista uma alma gêmea. E você é a minha Kylie Galen. Eu soube disso naquele momento e isso não mudou."

Uma coisa que Hunter sempre faz nos livros é quando Kylie tem que enfrentar algo/alguém. A preparação é super "excitante", você pensa que vai ser algo PÁ! mas não ocorre um "clímax". É algo tão rápido que você fica tipo: "mas já acabou?"

Mas de todos os livros eu acho que esse foi o meu favorito. Não sei bem o porquê. Em alguns sentidos, Kylie está mais madura. Eu fiquei feliz lendo esse livro, claro que em alguns momentos fiquei aflita e irritada. Mas me senti bem ao ler esse livro.

A saga tem um final feliz. Algumas dúvidas são esclarecidas (ou todas, não sei). Mas eu queria mais. Eu anseio por mais desse universo. Eu esperei cinco livros por uma cena de amor entre Kylie e Lucas, mas como diz Della, Hunter me deixou com as "bolas azuis", haha. E eu fiquei só na vontade '-'. Eu acho que precisava de pelo menos mais um livro. Quero saber o destino de todos os personagens. Eu acho que merecia no mínimo um epílogo com um ou dois anos na frente. Então se vocês tiverem alguma informação sobre algum livro que tenha haver com essa saga, ME PASSEM ESSA INFORMAÇÃO, POR FAVOR!

Todos os livros tiveram uma só nota, alguns foram melhores que os outros, mas no geral, a nota foi igual. Todos me tiraram risadas. Todos me deixaram aflita e irritada. E eu só quero ler mais sobre essa série, não estou preparada para largar esses personagens, nem tão cedo. Para você que não leu, leia. Se gostar do primeiro, continue a série com todo o amor. Mas se não gostar, não continue. A série continua no mesmo ritmo, e você pode não gostar. Mas vocês quem sabem.

"Nesse momento ela soube exatamente o que Mario queria dizer quando se referiu à sua fraqueza. O amor.
Fraqueza ou não, era a única coisa pela qual valia a pena morrer."



Título Original: Chosen at Nightfall #5
Autora: C. C. Hunter
Editora: Jangada
Páginas: 408
Ano: 2013
Skoob















Nenhum comentário:

Postar um comentário